Tele-etiqueta: dicas para manter a etiqueta com seus pacientes por Telemedicina

Com a pandemia, a Telemedicina tornou-se um instrumento fundamental para dar seguimento ao atendimento médico e confortar os pacientes. Mas você sabe como manter a etiqueta no ambiente digital?

Julia Lins 3 minutos

Folder

A Telemedicina tornou-se uma das principais tendências para a área da Saúde em 2021. Durante a pandemia, estima-se que houve um crescimento em torno de 760% na demanda por esse tipo de serviço, gerando um novo mercado de trabalho.

Porém, apesar do crescimento, esse ainda é considerado um mercado novo no qual médicos e pacientes estão tentando entender como funciona e, principalmente, como se portar nesse ambiente virtual. Será que é possível estabelecer uma “etiqueta digital” para que médicos se conectem emocionalmente com os pacientes?

Seguem abaixo oito dicas de como se portar e manter a etiqueta durante o atendimento em teleconsulta. Confira!

1. Evite fundos chamativos

Ao escolher o local para realizar as teleconsultas, busque um lugar com parede branca ou com um fundo neutro. Os fundos neutros são os mais indicados, pois evitam distrações por parte do paciente. Além disso, evite sentar-se na frente de espelhos, pois brilhos e reflexos tendem a atrapalhar a concentração de médicos e pacientes durante as consultas.

2. Garanta privacidade

A privacidade é algo imprescindível na relação médico-paciente, e para manter a sensação de acolhimento e segurança de um consultório, o médico precisa utilizar algumas estratégias para garantir essa privacidade e atenção total ao paciente mesmo no atendimento on-line. Algumas estratégias são:

  • Desligue o seu telefone celular, ou ao menos mantenha-o longe de alcance para evitar possíveis distrações;
  • Evite olhar e-mails;
  • Evite ruídos estranhos;
  • Recolha os papéis, arquivos e documentos de sua mesa para manter a organização de sua estação de trabalho;
  • Mantenha crianças e animais de estimação longe de seu ambiente de trabalho. A aparição de cachorros e crianças durante o atendimento passará uma imagem não profissional ao paciente.

3. Vista-se para o sucesso

Para auxiliar a manter a seriedade, é recomendável vestir-se como se você estivesse no consultório com o paciente presencialmente. Por exemplo, camisa e gravata, jaleco etc.

4. Seja pontual

Ser pontual é uma regra de etiqueta básica que vale para qualquer compromisso. Porém, no caso das consultas on-line, essa regra passa a ser ainda mais importante para manter o profissionalismo na relação médico-paciente. Além disso, respeite o tempo do paciente, pois ele pode estar trabalhando remotamente ou cuidando de seus filhos em casa.

5. Revise o prontuário do paciente

É fundamental revisar o histórico do paciente antes de iniciar a teleconsulta, para que você não se distraia com papéis e outros documentos ao longo da consulta e possa dar total atenção ao seu paciente.

6. Foque na câmera

No momento da consulta, é importante manter-se conectado ao paciente para que ele se sinta mais confortável e acolhido. Por isso, não olhe para a tela do computador, e sim para a webcam, pois isso fará com que você olhe no olho do paciente e melhore a comunicação entre vocês.

7. Responda todas as dúvidas dos pacientes

Normalmente, os pacientes têm inúmeras dúvidas ao longo da consulta – no ambiente virtual não seria diferente. Por isso, certifique-se de que qualquer pergunta que eles tenham seja respondida antes de encerrar a consulta.

8. Peça feedback

Ao finalizar a consulta, peça feedback a seus pacientes. Pergunte a eles o que acharam do atendimento, o que eles gostariam que fosse melhor ou o que mudariam no atendimento. Dessa forma, eles poderão lhe ajudar a melhorar seu serviço cada vez mais.

Faça parte da nossa Newsletter e receba assuntos exclusivos
para impulsionar sua carreira médica.

x

Revista DOC nova edição

100% Gratuita

Faça seu download já